Laboratório Pop

18ª Mostra de Tiradentes vai homenagear Dira Paes

3 dez 2014 / Sem comentários / em Cinema

A tradicional Mostra de Tiradentes chega à maioridade com uma homenagem à atriz Dira Paes e também com a discussão da importância do cinema autoral no mundo contemporâneo. A mostra acontece em Tiradentes, Minas Gerais, entre 23 e 31 de janeiro de 2015.

Estão confirmados mais de 100 filmes em pré-estreias nacionais e mundiais, oficinas, debates, seminário, exposições, lançamento de livros, cortejo da arte, teatro de rua e outros formatos de atração artística, tudo isso gratuito. O público é estimado em 35 mil pessoas.

Dira Paes (ou Ecleidira Maria Fonseca Paes, seu nome de batismo) nasceu em Abaetetuba (PA) em 1969. Hoje aos 45 anos, a atriz estreou nos cinemas ainda adolescente, com 16 anos de idade, no longa “A Floresta das esmeraldas”, do diretor estadunidense John Boorman. Apenas dois anos depois, fez “Ele, o boto”, filme emblemático de Walter Lima Jr que já se aproximava do tipo de produção que a atrairia nos anos seguintes, sedimentando sua caminhada como uma das profissionais mais versáteis, ousadas e corajosas da dramaturgia cinematográfica e televisiva no país.

“Foi no momento de reaquecimento da produção de cinema (em 1994), ainda a duras penas, que a atriz paraense impôs sua presença, com cabelos pretos, pele morena, aparência de brasileira amazônica e um fácil naturalismo, testado em personagens de diferentes sotaques, com acentos do cangaço e dos pampas, apesar de sua origem no Norte”, destaca Cléber Eduardo, curador da Mostra de Cinema de Tiradentes. Ele afirma que a escolha por Dira Paes como homenageada se à identificação da atriz com o tipo de cinema valorizado na mostra e pela sua constante presença nas telas ao longo das últimas duas décadas.

 

Não deixe de comentar!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Útimas de Cinema

Útimos posts