Daniel Satti volta aos palcos paulistas com “O homem mais inteligente da história”. Sucesso, a peça é uma adaptação do livro homônimo do psiquiatra e escritor best-seller Augusto Cury, escrita junto a Francis Helena Cozta e com direção de Ivan Parente. O espetáculo faz temporada de 28 de janeiro a 30 de abril, no Teatro Fernando Torres (SP), com sessões aos sábados, às 20h, e domingos, às 19h.

“Estaremos em São Paulo de janeiro a abril, depois seguiremos com a turnê da peça pelo Sudeste, Nordeste, Sul e Centro-Oeste. Além disso, a produção vislumbra a possibilidade de ida à Europa. É uma sensação incrível, porque cada plateia reage de uma forma. Ao final das apresentações, nos deparamos com pessoas emocionadas, que trazem o reconhecimento de estarmos levando uma mensagem de amor e reflexão a todos. Isto é muito significativo pra mim, afinal, este é um dos principais papéis do artista.” Completa Daniel. A peça traz a trajetória do cientista Marco Polo, vivido por Satti, especialista no funcionamento da mente, quando ele é desafiado pela ONU a estudar a inteligência de Jesus, o homem mais famoso da história.

Local: Teatro Fernando Torres.  (Rua Padre Estevão Pernet, 588 – Tatuapé). Próximo às estações de Metrô Tatuapé e Carrão. 685 lugares.

Datas: 28/01 até 30/04 (sábado 20h e domingo 19h)

Ingressos: R$ 100,00 (sábado) e R$ 90,00 (domingo). Ingresso social R$ 70,00 mais 1 kg de alimento (sábado) e R$ 60,00 mais 1 kg de alimento (domingo).

Quer conhecer mais? Visite o Laboratório Pop. Siga nosso conteúdo no Instagram e no Twitter.