Laboratório Pop

Adam Sandler sempre rende boa ‘Sessão da Tarde’

21 fev 2019 / Sem comentários / em TV/Séries


Rodrigo Fonseca
De 1998, com “O rei da água”, até 2011, com “Cada um tem a gêmea que merece”, Adam Richard Sandler reinou soberano sobre a comédia americana, consagrando-se como o astro de maior bilheteria dos EUA na seara do humor: foram quase US$ 2 bilhões de faturamento. E há uns cinco anos, a Netflix virou seu lar, onde lançou delícias como “Lá vem os pais” (2018) e “Os Meyerowitz: Família não se escolhe”, indicado à Palma de Ouro em Cannes, em 2017. Ainda neste semestre, o astro de 52 anos volta ao circuito com “Uncut gems”, dos irmãos Josh e Bennie Safdie (diretores de “Bom comportamento”), apostando agora em uma estética mais requintada do que a das chanchadas pelas quais se consagrou, entre elas “Just go with it”, por aqui “Esposa de mentirinha”, um sucesso de 2011, onde estreou em pleno carnaval. Sua renda beira US$ 215 milhões. Nesta sexta-feira, às 13h50, a TV Globo exibe o longa-metragem com versão dublada (o genial Alexandre Moreno é a voz nacional de Sandler) na “Sessão da Tarde”. Com direção do ator e cineasta Dennis Dugan (“Um ninja da pesada”), a produção de US$ 80 milhões põe Sandler no papel de um cirurgião plástico que finge ter sido casado com sua atual secretária (Jennifer Aniston, em impecável atuação) para impressionar a namorada (Brooklyn Decker), durante uma viagem ao Havaí. Parceiro habitual de Sandler, Nick Sawardson rouba a cena no papel de um falso zoólogo europeu especialista em ovelhas. Nicole Kidman, dublada aqui pela sempre precisa Miriam Ficher, tem uma divertida participação, vivendo a rival de Jennifer dos tempos de escola.

Não deixe de comentar!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Útimas de TV/Séries

Útimos posts